“Belíssimo aspéto da nossa capital…”

Fotografia aérea da abertura da Borges de Medeiros. Diário de Notícias, 02/06/1933, p. 1. Hemeroteca do Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa.
Fotografia aérea da abertura da Borges de Medeiros. Diário de Notícias, 02/06/1933, p. 1. Hemeroteca do Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa.

A história da abertura da avenida Borges de Medeiros é longa e tortuosa, condizente com sua dimensão de obra de modernização monumental e ambiciosa para uma cidade como Porto Alegre. Entre idas e vindas, mudanças de projeto e problemas orçamentários, sua abertura era acaloradamente discutida pelo público, e acompanhada pela imprensa. Nesta magnífica fotografia aérea de 1933, vê-se sua abertura ainda parcial, não chegando ainda ao porto. Lê-se na legenda[1]:

Belissimo aspéto da nossa capital, apanhado, ante-ontem, pela ‘Varig’, em seu pequeno avião de vôos circulares. Ao centro, vê-se a exata topografia da Avenida Borges de Medeiros, cortando a parte alta da cidade. Á direita, sujestivo aspéto do cais do porto, vendo-se as docas da navegação fluvial. A ‘Varig’ apresentará propostas á Prefeitura para realizar o levantamento aéreo geral da cidade. Se o Municipio concordar com a proposta, cujo orçamento é de 14 contos de réis, dentro em breve teremos a planta exata da capital, além do conhecimento detalhado das belezas da metropole gaucha, escondidas nas curvas da sua acidentada conformação geográfica.

 

[1] A grafia original foi mantida.

Deixe um comentário